Música Cinema Teatro Literatura Moda Roteiros

O filme estreia dia 12 de dezembro nos cinemas.

Brincando com fogo‘ é muito mais inteligente do que aparenta ser. Nesse propósito, a narrativa se resume, à primeira vista, à cômica adaptação de um grupo de bombeiros a chegada de três crianças incontroláveis ao posto, estimulando a sensação de que essa seria apenas mais uma comédia besteirol irrelevante sustentada por atuações caricatas e exageradas. Porém, o filme está para além do (marcante) humor. Ele chega nas pontas dos pés, timidamente conquistando espaço com a abordagem de questões genuínas e honestas.

Nesse sentido, a trama pode ser dividida em três partes. Na primeira, somos apresentados a um Jake Carson (John Cena) engessado e incapaz de relacionar-se profundamente com outros seres humanos – e com ele mesmo. Que se empenha, a partir daí, em viver para seu trabalho, almejando nada menos que o mais alto cargo. Mas, ao abrigar as crianças, começa a ter esse lado questionado. A mais velha, Brynn (Brianna Hildebrand) forja o primeiro passo que é dado, ao perguntar se ele sentia orgulho por nunca ter chorado.

“Você nunca chorou e você se orgulha disso?”

A partir dessa pergunta, inicia-se a segunda parte, uma fase de transição. Anestesiado pela dúvida, ele se permite vivenciar novas experiências – as quais geram longas gargalhadas. Dentre elas estão inseridos encontros, maratonas de My Little Pony e brincadeiras. Nesse ponto, a direção de Andy Fickman aproveitou-se da alta expressividade e do potencial do elenco, e acertou em cheio, transformando as risadas em uma constante linear. A concretização do cômico vem dos colegas de Jake, que apoiando-se em uma movimentação mais veloz e dinâmica, roubam as cenas com suas peculiaridades.

Já na ultima parte, a postura heroica é deixada de lado. E, junto ao fim da estadia das crianças, dá-se o nascimento de um novo Carson. Ao reconhecer e entrar em contato com os seus sentimentos, ele passa a ter uma nova perspectiva para sua vida. Decorrente a isso, o ponto mais interessante de ‘Brincando com fogo‘ é sua leitura sobre como as pessoas mudam pessoas. E por isso, é natural que o filme nos toque e nos marque. Sendo assim, ao assisti-lo passamos pelo processo que Jake Carson enfrenta mas a partir da diversão graças a habilidade do diretor de impedir o estabelecimento de um clima pesado.

Avaliação:

Vídeos

disclaimer

O PARADA POP é um site de informações, dicas e resenhas sobre o mundo da música e das celebridades. Em parceria com grandes representantes dos fandoms do mundo pop - os fãs sites - construímos um conteúdo dedicado especialmente a você, fã brasileiro. Muitas das imagens que aparecem no site são de fontes externas, o PARADA POP não reivindica nenhum crédito para si, a não ser que assim seja especificado. Se caso possuir os direitos de alguma imagem e não deseja que ela apareça em nosso site, favor entre em contato e ela será prontamente removida.

Quer enviar uma cartinha ou um presentinho? Entre em contato através do email: contato@paradapop.com

Anuncie aqui!

Acesse nosso midia kit!

Seja um colaborador!

Clique aqui e saiba como!
2016 © PARADAPOP.COM • • • DIREITOS RESERVADOS
Tema por Gabriela Gomes